customizacao

O que é Marketing One-to-One?

O Marketing tradicional perdeu espaço para ações mais específicas e direcionadas para as novas necessidades dos clientes. Nesse contexto, surge o Marketing One-to-One, focado mais na individualização do público-alvo.

Marketing One-to-One ou personalização?

Marketing One-to-One nada mais é do que tratar os clientes de forma individual, personalizando os produtos e serviços baseado nas preferências desse público. Essa personalização é possível graças a estudos de mercado e feedback dos próprios cliente, que expondo suas necessidades colaboram para esse processo. Aqui o foco passa a ser, além da conquista, a fidelização do cliente.

Para que essa nova vertente do Marketing seja bem aplicada a empresa precisa conhecer a fundo os perfis dos seus clientes. No Marketing tradicional, a preocupação com o público existe, mas não de forma individualizada como no Marketing One-to-One. No primeiro, os produtos e serviços são feitos de maneira padrão, sem a preocupação em personalizá-los de acordo com as necessidades de cada cliente.
Já no One-to-One, o cliente é tratado como indivíduo único. Outro ponto que difere o Marketing tradicional do One-to-One é a questão da fidelização. Ambas as vertentes visam esse processo, porém no One-to-One as estratégias para tal são mais efetivas. Deixou-se de lado o querer apenas conquistar o cliente, para dar lugar a dupla conquistar e fidelizar.

Dicas de Marketing Para Pequenas Empresas

As pequenas e médias empresas que buscam crescer devem investir em marketing, e caso sua empresa não seja grande o suficiente para possuir um departamento inteiro, você tem a opção de terceirizar o seu marketing.

Para que você consiga crescer como empresa, separamos algumas dicas essenciais para fortalecer o marketing de sua empresa.

1 – Invista nas redes sociais: Sua empresa ainda não possui uma página nas principais redes sociais? Então trate de cria-la. Com o crescimento das redes sociais, estar no facebook e twitter é um meio de descobrir o que as pessoas têm falado sobre sua empresa. Além de ser um marketing interessante para seus serviços.

2 – Construa uma marca forte: Mesmo que sua empresa seja pequena e não possua uma grande fatia de mercado, uma pequena empresa deve consolidar sua imagem.

3 – Bom atendimento: A imagem que sua marca adquiriu nada vai adiantar se você não possuir um bom atendimento. Tenha uma equipe que responda com rapidez e qualidade. Tendo um bom atendimento, sua empresa fica bem vista no mercado.

4 – Possua um plano de marketing: Não adianta você possuir redes sociais eficientes, uma marca forte, e diversos outros benefícios na sua empresa, se você não tiver bem definido qual será o seu plano de marketing. Ele é ideal pra saber onde você está e aonde você quer chegar a um longo prazo.

5 – Calcule o retorno por investimento: O marketing é cheio de métricas, e que devem ser estudadas detalhadamente. Tenha uma planilha, saiba onde você está investindo certo, onde não tem tido retorno. Tudo isso te ajudará a divulgar sua marca da forma mais correta possível.

Manutenção do Site é importante

Anteriormente aqui no blog falamos sobre a importância de seu ter um site bonito e com conteúdo. Outro ponto importante, e que algumas vezes é deixado de lado é a manutenção do site.

A primeira coisa que as pessoas fazem quando querem saber sobre a sua empresa, é buscar no google algumas informações – por isso a importância de se ter um site, e ao achar, é preciso que seu site tenha aquilo que o seu cliente procura. Poucas coisas são tão ruins quanto entrar em um site e encontrá-lo sem atualizações, ou atualizações de meses, até anos atrás. Muito disso se deve, também, ao crescimento das redes sociais, por isso, muitas empresas acreditam que apenas estar no ambiente social já é o suficiente. Muito pelo contrário, um site desatualizado pode fazer com que a pessoa que procurou a sua empresa desista, e vá buscar informações no concorrente. E é aí que está a importância da manutenção do site da sua empresa.

Seu site é o cartão de entrada para novos clientes, sem ele, ou com ele desatualizado, há chances de você perder um potencial cliente, por isso, procure sempre mantê-lo em dia, e fazendo a manutenção necessária.

Terceirização do marketing da sua empresa

Como dissemos em nosso blog recentemente, o marketing é essencial para o crescimento de uma empresa. Porém, algumas delas não contam com profissionais capacitados, e até mesmo, não podem ter um crescimento muito grande a ponto de criar um departamento especializado na função.

A solução para isso pode ser mais simples do que parece: Terceirização do marketing da sua empresa. Existem agências especializadas nesse tipo de serviço, elas são agências de marketing que possuem conhecimentos de estratégias voltadas para pequenas e médias empresas. Essas agências possuem o conhecimento necessário não só para criar promoções, as agências de marketing têm como foco estratégias para gerar resultado.

Terceirizar o marketing seria como se sua empresa agora passasse a ter um departamento especializado, esse departamento seria responsável por dar ideias e criar estratégias para o crescimento constante da sua empresa.

Está precisando de um departamento de marketing para a sua empresa? A Terceirização pode ser a resposta.

PME’s e o Marketing Digital

digital

“Uma pequena empresa pode ser grande no ambiente virtual”. É isso o que afirma o professor de mídias sociais, Marcos Paulo Perfeito.

A melhor forma de se fazer isso é investindo no marketing digital, uma forma eficaz e relativamente mais barata para atrair clientes.

Onde deve ser investido?

O primeiro passo é possuir um bom site para sua empresa, que seja objetivo, e pensado para o seu potencial público-alvo – leia aqui nossos artigos sobre design responsivo e a importância dos sites – dessa forma, sua empresa já terá uma exposição grande, afinal a internet, nos dias de hoje, é para praticamente todos.

Outro ponto importante é a presença nas redes sociais, que ajudam a fortalecer não só a marca, mas também o relacionamento com os clientes. Estar nesse ambiente auxilia a entender as necessidades e desejos do consumidor, podendo assim prestar um serviço de maior qualidade. Além disso, as redes sociais são uma forma de divulgação sem custo, pois só se paga caso sejam feitos anúncios dentro delas, o que é interessante, pois permite que você atinja um público segmentado dentro de uma rede com milhares de pessoas.

O Google Adwords é outra ferramenta muito usada por pequenas empresas. Ela possibilita que a estratégia seja feita de acordo com o orçamento disponível, e pode trazer resultados em um curto espaço de tempo.

Uma das ferramentas mais usadas, o e-mail marketing é uma alternativa para prospecção e manutenção de clientes. Porém é necessário que ele seja usado com sabedoria, e também que sua empresa possua um bom mailling. Um e-mail marketing bem elaborado só ajudará ainda mais a sua empresa.

Para que essas dicas funcionem, é preciso uma estratégia bem elaborada, e que a mesma esteja de acordo com o perfil da sua empresa.

O que é Design Responsivo?

responsive-sites

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Design responsivo é uma técnica de estruturação de HTML e CSS que adapta o site ao browser que o usuário está navegando, fazendo com que não seja preciso criar um estilo de página diferente para cada um deles.

Mas por que ele é tão importante nos dias de hoje? O Design Responsivo é uma evolução lógica do design dos sites. Os acessos que aconteciam exclusivamente por desktops, hoje acontece nos mais diversos dispositivos – inclusive geladeiras! O acesso à internet por celulares, por exemplo, representavam 41% dos acessos em 2012. O que mostra que é cada vez mais necessário adaptar o seu site aos novos moldes.

A tendência é que esses números se tornem cada vez maiores, afinal, a sociedade digital em que vivemos sente a necessidade desse tipo de ferramenta.

A Reputação nas Redes Sociais

“Uma boa reputação aumenta o valor de tudo o que a organização faz e diz. A má reputação desvaloriza seus produtos e serviços e age como um ímã que atrai ainda mais desmoralização” (Dowling, G.)

A forma como uma empresa opera, opina e interfere, com atitudes e posturas que denotem responsabilidade, transparência, sustentabilidade, cidadania, entre outras, vai formando sua reputação ao longo dos anos, e que nem sempre relacionada diretamente aos seus produtos ou serviços, mas a maneira como ela atua na sociedade.

Com a proximidade de seu público através das redes sociais, as exigências tornam-se ainda mais intensas e diretas, e em rítmo bastante acelerado. Entretanto, muitas empresas ainda cometem alguns erros básicos, como, por exemplo, não responder a dúvidas ou reclamações, preferindo manter o silêncio, o que pode causar repercussão negativa, ameaçar sua reputação e afetar os relacionamentos com clientes e investidores.

A reputação corporativa é contruída aos poucos, no dia a dia, através das diversas imagens que a empresa transmite ao longo do tempo. Fundamental, uma boa reputação gerará apoio e respeito de seu público, “segurará a barra” se algo negativo surgir, como também proporcionará vantagem competitiva com relação aos concorrentes.

A gestão da reputação na nova “Economia da Reputação” precisa ser uma prioridade muito bem planejada e administrada pelas empresas e vai muito além de parecer bonito. Pense nisso.

A propagação de uma mensagem nas redes sociais supera as outras mídias, tanto impressa, como televisiva, entre outras. A amplitude e diversificação do público presente nas redes sociais permitem grandes audiências para sua empresa. Por isso, você deve estar preparado para utilizar as redes sociais ao seu favor. Veja como em: http://www.edm2.com.br/servicos/social-media

Vídeos no ambiente corporativo

Os Vídeos na Comunicação Corporativa

A comunicação interna é fundamental para manter o fluxo de informações aos funcionários e colaboradores, seja qual for o porte da empresa.

Mudanças operacionais, lançamento de produtos, treinamento, objetivos, palestras, pronunciamento do presidente, as comunicações corporativas por vídeo tem-se tornado uma ferramenta muito eficiente, pois, além de possibilitar uma informação clara, é mais atrativo, integra funcionários, motiva, incentiva o diálogo e contribui para o desenvolvimento organizacional, tudo isso sem a necessidade de deslocamento físico.

O método funciona como um “You Tube” interno, onde é possível verificar a audiência, quem visualisou, incluir comentários, compartilhar, etc.

O Boticário, por exemplo, com mais de 2.800 lojas espalhadas no Brasil, além da atuação internacional, devido os gastos com treinamentos e troca de informações sobre novos produtos, optou pela distribuição de seus vídeos corporativos através da web. Além de facilitar todos os processos internos, possibilitou um giro maior das informações, com redução significativa de custos e maior integração entre suas franquias.

Esta é a nova era. Investir na comunicação corporativa por vídeos difundirá o conhecimento de forma unificada, melhorará a eficiência e capacitação dos clientes internos, como também tornará o clima organizacional mais harmonioso, colaborativo e produtivo.

O Sucesso da Campanha Dove – Retratos da Real Beleza

Assim que foi lançado o filme da nova campanha da Dove nos Estados Unidos e Brasil, Retratos da Real Beleza se tornou viral e já alcançou mais de 20 milhões de pessoas.

O filme mostra diferentes mulheres sendo retratadas por um desenhista forense do FBI com base, apenas, em suas próprias descrições. Em um segundo momento, o profissional redesenha essas mulheres, usando as descrições feitas por outras pessoas. O resultado são retratos muito mais bonitos. A mensagem é direta: as mulheres são muito críticas em relação à si mesmas e tem muita dificuldade de enxergar sua beleza natural, diferente da forma como as outras pessoas as enxergam. O filme emociona e resgata a auto-estima.

O tema causou tanto interesse, que até mesmos veículos que não costumam dar ênfase a essas publicidades, como New York Times, Financial Times, Wall Street Journal, The Independent, entre outros, citaram e comentaram sobre a campanha. Também já existe até uma paródia muito bem humorada, feita por um grupo de comediantes americanos, com o tema: “Homens, vocês não são tão bonitos quanto pensam”

A magnitude desse sucesso surpreendeu tanto a agência de publicidade como a própria Unilever. É muito raro acontecer de uma campanha repercurtir de uma forma tão explosiva e positiva na vida das pessoas. Com certeza, este filme entrará na história da propaganda mundial.

Curtam:

Planejamento de campanhas de Marketing

 

O Marketing é fundamental para qualquer empresa, independente do seu tamanho. Neste artigo, elaboramos uma síntese de como planejar uma boa campanha de marketing.

A primeira e mais importante etapa é o planejamento.  Neste primeiro passo é preciso analisar o ambiente, o seu mercado, o público alvo, os concorrentes, os objetivos e metas, os recursos disponíveis e quais estratégias utilizar. Depois de levantar todos esses dados e colocar tudo no papel, parte-se para a próxima etapa.

A segunda e principal etapa é identificar marcas, produtos, suas principais características e diferenciais, pontos fortes e fracos, estoques, preços, se haverá descontos, promoções de curto prazo, preço especial para determinado grupo de pessoas, margem de lucro, etc

Terminada a fase de análises, todas devidamente registradas, é chegado o momento de estudar quais seriam as melhores as ações para ganhar mercado, promover produtos ou marcas. Escolha uma boa agência e priorize a mensagem da propaganda. Há anúncios caríssimos que não trazem os resultados desejados, mas há também aqueles baratos que perdem muito pela qualidade. Avalie sempre a relação custo-benefício. Escolha os meios de comunicação onde seu público está e, se possível, atue em mais de um canal ao mesmo tempo, tornando  a divulgação muito mais eficiente.  Uma campanha publicitária para fortalecer uma marca tem duração mais longa do que a de um produto. Defina prazos com a elaboração de um cronograma. Acompanhe os resultados, sejam eles o faturamento, a participação ou a abrangência da marca e mantenha seu planejamento de marketing sempre atualizado. Afinal, a velocidade das mudanças no mercado e na sociedade é muito rápida e constante.

1 2  Topo