marketing direto

O que é marketing digital?

Na atualidade, quem quer continuar relevante
para seus clientes precisa ter visibilidade nas redes sociais. Como já falamos
em outro post, o importante não é estar na internet, mas sim, como se colocar
nela para ganhar a atenção do público e se destacar em meio à concorrência.

Em modo geral, Marketing Digital é o conjunto de atividades que uma empresa (ou pessoa) executa online com o objetivo de atrair novos negócios, criar relacionamentos e desenvolver uma identidade de marca. Dentre as suas principais estratégias estão o SEO, Inbound Marketing e o Marketing de Conteúdo.

Marketing de conteúdo
Marketing de Conteúdo, contudo, é uma maneira de engajar o seu público-alvo por meio da criação de conteúdos relevantes e valiosos, atraindo, envolvendo e gerando valor para as pessoas de modo a criar uma percepção positiva da sua marca e assim gerar mais negócios.

Produzir conteúdo relevante é a melhor forma de colocar seu site na primeira página do Google, onde ele sempre será encontrado pelo seu público, deixando uma porta convidativa para que ele entre.

Modo geral, esse trabalho consiste,
essencialmente, em produzir conteúdo relevante ou de impacto extremamente
positivo, sejam eles educacionais, profissionais, tutoriais ou simplesmente
conteúdos de entretenimento.

Inbound Marketing
O Inbound é uma concepção do marketing focada em atrair, converter e encantar clientes. O Marketing de Atração, como também é chamado o Inbound, afasta-se do conceito tradicional da publicidade e possibilita a conexão com o público-alvo por meio dos pilares: Marketing de Conteúdo, SEO, Estratégias em Redes Sociais.

Interatividade
Uma das principais razões pelas quais o Marketing Digital é cada vez mais adotado em relação aos canais tradicionais, sobretudo os canais off-line, é a interatividade com o público. O foco não está mais no produto e sim na experiência do usuário em sua jornada de compra.

Veja
mais conteúdos para que você consiga avançar no assunto e ter uma compreensão
ainda maior sobre o universo do marketing digital no nosso site.

Saiba o momento certo de investir em marketing digital

Você que tem uma empresa, sabe qual é o momento certo de investir em marketing digital? As grandes transformações no cenário econômico e social ocorridas nas últimas décadas exigiram mudanças profundas de posturas para gerir o negócio no mundo corporativo globalizado. Sendo assim, um fator importantíssimo para que a gestão da comunicação seja implantada de forma estratégica é a mudança no setor de marketing da organização.

Confira algumas transformações deste cenário:

Mercado
Muitos empreendedores iniciaram suas atividades com pouco conhecimento e, após muito estudo e tentativas, se tornaram grandes exemplos para a comunidade digital.
Apesar de existirem inúmeras estratégias de vendas online, o fator mais importante para o sucesso é estudar o mercado.
É importante, contudo, estabelecer quais são os indicadores mais importantes para seu negócio e acompanhar o desempenho de cada ação implementada, para saber se seu produto tem potencial de crescimento a médio e longo prazo.

Planejamento
Saiba que planejar é fundamental para obter sucesso em seus negócios. Se você estudou o seu mercado e está oferecendo um produto que agrega valor à vida das pessoas, eventualmente, o retorno financeiro virá.

É importantíssimo também saber quais os
canais de comunicação que você utiliza para contatar seu público e oferecer seu
produto.

Divulgação
Você precisa anunciar seu produto para estas pessoas e, atualmente, há diversas formas de fazer isso como, por exemplo, usando o Facebook, Google Adwords, Native Ads, e por aí vai. Tudo depende de onde seu público está, já que o foco principal é despertar o interesse do cliente pelo seu produto e passar a mensagem de que sua marca está disponível para eles.

Ficou interessado? Entre em contato com a EDM2. Aqui, pensamos sempre no melhor jeito de fazer marketing para sua empresa

Você comete esses 4 erros na sua empresa

Muitas vezes nos acomodamos com algumas atitudes e acabamos deixando de lado atitudes importantes no dia a dia das empresas. Descubra se você comete esses erros e entenda maneiras de melhorar.

Não perguntar ou chamar seu cliente pelo nome

Muitas pessoas não sabem, mas tratando o outro pelo nome você demonstra que conhece a pessoa e gera um sentido de importância para ela.

O Som do nosso nome é uma espécie de gatilho mental, que faz vibrar nossa energia corporal fazendo com que nosso cérebro entre em ação e comece a participar de uma conversa.

Um estudo realizado na Universidade do Texas, Estados Unidos, comprovou que o nome de uma pessoa é o som mais agradável para ela. Por exemplo: Você está em uma praça de alimentação em um shopping, sábado à tarde e de repente ouve seu nome, o que você faz? Imediatamente olha para trás e procura quem o chamou, não é mesmo? Imagine agora o impacto de mencionar o nome do seu cliente, durante seu atendimento?

Deixar de investir em treinamentos

 Quando se lida com clientes por telefone ou presencialmente é preciso que toda a equipe esteja alinhada e com um pensamento de trabalho em equipe. Muitas Micro, Pequenas, Médias e Grandes empresas, perdem fortunas diariamente por não treinar, motivar e capacitar seus profissionais. Você pode não acreditar, mas seu cliente sente essa diferença quando está em uma negociação e percebendo isso, eles se propõem a investir um pouco mais, só por ter tido prazer de ser muito bem atendido.

Valorizar o pagamento mais que o atendimento

Um erro rotineiro é achar que, só porque o cliente paga em dia, e o serviço é prestado como prometido não há necessidade para preocupações. Na verdade, garantir um atendimento personalizado e sempre buscar solucionar os problemas que surgem frequentemente ajuda a estreitar a relação de empresa x cliente. É necessário focar em deixar seu cliente sempre satisfeito e não simplesmente focar em quando será o próximo pagamento.

Não agradecer a um cliente por dar feedback

Quantos clientes pensam que seu produto falha em algum aspecto e não dizem nada a respeito? Assim como a reclamação, o feedback é o melhor presente que um cliente pode nos dar (além de seu dinheiro!) Faça um grande pós-venda e mostre preocupação com o grau de satisfação do seu cliente depois do processo de compra.

“Seus clientes mais insatisfeitos são sua melhor fonte de aprendizado. ”

– Bill Gates

Departamento Comercial x Departamento de Marketing

Ainda é bastante comum ver pessoas que fazem confusão entre as características e funções de um Departamento de Marketing e o Departamento Comercial. As duas áreas apresentam características semelhantes e se completam, sendo o Departamento de Marketing um potencializador das ações da área Comercial.  Para te ajudar a entender um pouco melhor quais são as diferenças entre eles, nós preparamos uma útil explicação.

Departamento Comercial

O Departamento Comercial é responsável por coordenar as atividades de venda dos produtos ou serviços da empresa. É a partir dele que as empresas obtêm lucro e recursos financeiros para que possa crescer e sobreviver economicamente.

Departamento de Marketing

O Departamento de Marketing é responsável pela venda de forma indireta. Os profissionais deste departamento têm como objetivo estudar o mercado, verificar quais as melhores opções, e planejar estratégias para que a empresa consiga vender seus produtos/serviços, e consequentemente, cresçam economicamente.

Como podemos perceber, mesmo que com funções diferentes, os departamentos acabam se completando, o que faz com que as pessoas se confundam em relação a eles. Em pequenas empresas é comum que os dois departamentos acabem se unindo, o que pode gerar sobrecarga de atividades, e até problemas na hora de tomar decisões.

Um departamento precisará do outro, mas isso não significa que criando um só, sua empresa terá um melhor resultado. O interessante é dividir suas atividades, e assim conseguir com que sua instituição tenha um melhor planejamento e uma melhor postura de vendas.

Terceirização do marketing da sua empresa

Como dissemos em nosso blog recentemente, o marketing é essencial para o crescimento de uma empresa. Porém, algumas delas não contam com profissionais capacitados, e até mesmo, não podem ter um crescimento muito grande a ponto de criar um departamento especializado na função.

A solução para isso pode ser mais simples do que parece: Terceirização do marketing da sua empresa. Existem agências especializadas nesse tipo de serviço, elas são agências de marketing que possuem conhecimentos de estratégias voltadas para pequenas e médias empresas. Essas agências possuem o conhecimento necessário não só para criar promoções, as agências de marketing têm como foco estratégias para gerar resultado.

Terceirizar o marketing seria como se sua empresa agora passasse a ter um departamento especializado, esse departamento seria responsável por dar ideias e criar estratégias para o crescimento constante da sua empresa.

Está precisando de um departamento de marketing para a sua empresa? A Terceirização pode ser a resposta.

A influência das cores no marketing

As cores são fonte de estudo de diversos especialistas do marketing, que buscam entender suas influências na cabeça do consumidor. Esses estudos servem para orientar o melhor uso de determinada cor em anúncios, embalagens de produto, logotipos, sites.

Eles buscam mostrar que as pessoas são diretamente influenciadas pelas cores na hora da compra. Por exemplo, 84,7% das pessoas acreditam que as cores de um produto são mais importantes que qualquer outro fator, e 93% decidem a compra pelo aspecto visual, sendo que desse número, metade disse deixar de comprar se o mesmo não tiver a cor que ele gosta.

Diversos outros dados são apontados por pesquisas para fortalecer a importância das cores na venda.

Confira abaixo uma lista de cores, o que elas significam para o marketing, e em qual situação elas são mais usadas.

Vermelho: A cor traz o sentido de urgência, sendo usada por muitos restaurantes para estimular o apetite. Ela também é usada em liquidações para atrair compradores compulsivos.

Amarelo: O amarelo remete à atenção, é bastante usada para prender a atenção das pessoas e mostrar detalhes importantes.

Azul: Associada à paz, o azul é usado para fins corporativos por não ser muito invasivo e trazer confiança e segurança.

Laranja: A cor laranja é mais uma usada para chamar a atenção, e é considerada a preferida por compradores compulsivos.

Verde: A cor da natureza, o verde é associado também ao dinheiro e a saúde. É usada com frequência em anúncios que abordam questões ambientais.

Roxo: O roxo representa criatividade e imaginação, além de estar associada com sabedoria e beleza. É usada em produtos de beleza.

É possível observar todos esses dados no próprio mercado, com as marcas utilizando da influência delas em suas ações.

 

*os dados foram retirados do infográfico feito pelo site Viver de Blog.

 

 

Conquistando clientes pelo E-mail Marketing

O e-mail marketing tornou-se uma ferramenta vital para as pequenas empresas que queiram utilizar emails como forma de serem sempre lembradas. A princípio, os pontos positivos são óbvios: é rápido e barato. Mas isso não é tudo. O e-mail marketing oferece oportunidades sofisticadas como por exemplo direcionar mensagens para as pessoas certas, no momento certo e promover negócios sérios.

As taxas de resposta de e-mails em massa são muito melhores do que as malas-diretas, graças ao imediatismo da mídia. Os resultados podem ser mensurados e utilizados para elaborar um e-mail marketing posterior com melhor foco.

O marketing direto via e-mail é um método de comunicação ideal para qualquer pequena empresa que conta com uma presença online eficiente. As mensagens de e-mail podem destacar ofertas especiais e novos produtos para, em seguida, os destinatários serem direcionados imediatamente para o site e até mesmo a uma página de contato.

No entanto, um e-mail marketing mal feito apresenta algumas armadilhas. Eles podem ser vistos como spam e  serem bloqueados. As palavras de ordem, no caso, são responsabilidade e relevância. É preciso ter permissão do destinatário para enviar e-mail marketing. E se você quer que eles respondam positivamente, é necessário que as mensagens sejam realmente importantes ou que tenha algum valor informativo para o seu público. O uso indevido da ferramenta pode simplesmente causar uma má impressão para sua empresa. Veja a sugestão abaixo da Edm2 para criar listas de emails eficientes!

Como construir sua lista de e-mail marketing

O ponto de partida para essa estratégia é um banco de dados atualizado baseado em permissão de envio de e-mail marketing. Essa lista deve conter todas as informações necessárias sobre os destinatários, para que se possa direcionar as mensagens. Os contatos devem ter dado sua permissão para o envio, seja através de um formulário ou em seu site. Certifique-se de incluir uma simples caixa de seleção “opting-in” em todo o material de marketing. Depois, segmente a lista de e-mail em grupos-chave de pessoas que compartilham características específicas. Agrupe os clientes de acordo com o que compraram no passado. Dessa forma, será possível enviar mensagens direcionadas sobre produtos específicos para as pessoas certas, junto a isso coloque datas assim você saberá quando que esse cliente entrou em sua base para facilitar os filtros no futuro.

O Sucesso da Campanha Dove – Retratos da Real Beleza

Assim que foi lançado o filme da nova campanha da Dove nos Estados Unidos e Brasil, Retratos da Real Beleza se tornou viral e já alcançou mais de 20 milhões de pessoas.

O filme mostra diferentes mulheres sendo retratadas por um desenhista forense do FBI com base, apenas, em suas próprias descrições. Em um segundo momento, o profissional redesenha essas mulheres, usando as descrições feitas por outras pessoas. O resultado são retratos muito mais bonitos. A mensagem é direta: as mulheres são muito críticas em relação à si mesmas e tem muita dificuldade de enxergar sua beleza natural, diferente da forma como as outras pessoas as enxergam. O filme emociona e resgata a auto-estima.

O tema causou tanto interesse, que até mesmos veículos que não costumam dar ênfase a essas publicidades, como New York Times, Financial Times, Wall Street Journal, The Independent, entre outros, citaram e comentaram sobre a campanha. Também já existe até uma paródia muito bem humorada, feita por um grupo de comediantes americanos, com o tema: “Homens, vocês não são tão bonitos quanto pensam”

A magnitude desse sucesso surpreendeu tanto a agência de publicidade como a própria Unilever. É muito raro acontecer de uma campanha repercurtir de uma forma tão explosiva e positiva na vida das pessoas. Com certeza, este filme entrará na história da propaganda mundial.

Curtam:

As empresas e a grande festa social

Edm2 Midias sociais

As empresas precisam participar da grande festa social

As empresas precisam estar presentes nas redes sociais. Isto é fato. Mas apenas estar presente não basta. A questão é aprender a lidar com as redes sociais e saber interagir com o seu público. Nesse ponto, pesquisas apontam que poucas empresas sabem utilizar as novas tecnologias.

Nas redes sociais, qualquer publicidade deverá levar em consideração a integração ao meio, estabelecendo  vínculos com as pessoas, conhecendo o seu público, para poder atingi-lo de forma adequada, com uma comunicação transparente e personalizada, que agregue valor .

As empresas precisam estar presentes onde o seu público está, usar os recursos e aplicativos que as novas tecnologias disponibilizam para enriquecer suas marcas e vender seus produtos. Podemos afirmar que uma marca não existe se ela não for vista. Com o crescimento das redes sociais, é preciso adequar a estrutura e acompanhar o movimento, como participante de um evento social. Se a empresa foca massivamente seu objetivo de vender, acaba transmitindo uma imagem negativa e grosseira. Há também aquelas que criam lindas vitrines, mas ficam estagnadas, apenas esperando acessos. Isso não funciona nas redes sociais, pois as pessoas querem interagir e opinar.

Essa integração também deve ser interna, com o alinhamento e a participação dos profissionais envolvidos no negócio colaborando na formação desse ambiente social. É preciso também aprender a lidar com comentários negativos. Quando isso acontece, a tendência é silenciar, o que acaba gerando um conflito ainda maior. Ser transparente e dar a atenção devida é muito importante para fortalecer a confiança e estreitar relacionamentos.

As mídias sociais são canais que envolvem milhares de pessoas e é preciso estar presente.  Saber transmitir sua mensagem é o foco principal para valorizar sua marca e produtos. E, se não sabe como fazer, fale com a gente:  http://www.edm2.com.br/empresa/faleconosco

Conheça as expressões populares do Marketing

Muitos acreditam que marketing é, simplesmente, publicidade. Mas, na verdade, essa ciência se preocupa com toda uma cadeia, que vai desde o produto gerado até a forma de ser lembrado pelo consumidor.

Cabe ao profissional de marketing saber identificar as necessidades de cada cliente e dar a devida importância, utilizando-se das ferramentas mais adequada para os diferentes tipos de necessidades, levando em consideração o ambiente onde a empresa está inserida, seus objetivos e metas, e, principalmente, a estratégia a ser adotada.

Não há mais o que discutir sobre a necessidade das Pequenas, Médias  e Grandes empresas promoverem  fortes ações de Marketing. E, com a evolução e a disseminação da internet, surgem inúmeros conceitos na área de marketing, qua acabam assustando empresas que ainda não possuem um Marketing efetivo.

O mercado, por sua vez, é dinâmico e está em constante evolução, o que leva à mudança de termos e desenvolvimento de novos conceitos. Em razão disso, algumas empresas deixam de adotar a prática do Marketing, por desconhecerem esses conceitos e não saberem ao certo o que buscar para melhorar a sua visibilidade no mercado.

Desta maneira, a Edm² irá desmistificar alguns termos que surgem nesse imenso universo do Marketing para ajudar você a encontrar os melhores métodos que irão garantir o sucesso de sua empresa:

BUZZ MARKETING: Esse conceito parte de um princípio antigo de que as pessoas, quando gostam de um produto ou serviço, normalmente disseminam o fato entre as pessoas de seu relacionamento. Esta ação é real, observável no mercado e casual. Por isso o “Buzz Marketing” surge com o desafio de sistematizar as ações que levam as pessoas a disseminarem um produto de modo a potencializar a comunicação e o conhecimento da marca a custo baixo.

MARKETING ONE–TO–ONE: Conceito que prega atendimento personalizado ao cliente. Ou seja, é preciso adequar a ferramenta de marketing ao conceito maior da empresa. O princípio do marketing está na capacidade de uma empresa criar e manter os clientes satisfeitos, portanto, é preciso verificar quais são as necessidades do consumidor e do mercado e apresentar produtos e soluções que atendam essas necessidades ou desejos.

MARKETING SHARE: Trata-se da mudança do posicionamento da empresa no mercado.

MARKETING 360°: Visa tocar o consumidor em todos os pontos. O Marketing 360° cuida dos lançamentos com intervenção urbana, ações presenciais em cinema, utilização de mídias alternativas, como projeções em bares e restaurantes, por exemplo. Isso provoca o consumidor, que passa a desejar aquele produto.

MARKETING DE GUERRILHA: Objetiva atrair a atenção do público sem a necessidade de custos com espaços publicitários, estimulando a customização.
TRENDING: Apropria-se de movimentos populares e materializa-se no Marketing da sua empresa ( como benefício próprio ).

MARKETING VIRAL: Disseminar conteúdo relevante “on” e “off line”.

PULL STRATEGY: Forte investimento na publicidade e na promoção, focadas no consumidor.

TRADE MARKETING: Otimizar a relação entre produtor e distribuidor, para que ambos retirem benefícios dessa parceria.

CORE BUSINESS: Quando a campanha é relativa ao próprio negócio.

B2E = BUSINESS-TO-EMPLOYEE: relação entre a empresa e o funcionário.

BUDGET: Porcentagem do faturamento da empresa destinada a ações de Marketing, vendas, novos negócios etc.

Para o empresário que deseja ingressar com ações de Marketing , é essencial conhecer as diversas ferramentas disponíveis hoje em dia,  conhecer minuciosamente o processo para definir o que pode ou não ser feito para obter o sucesso de sua empresa e se o que foi contratado foi realmente entregue.

 

1 2  Topo