buzz

Saiba por que blogs são importantes

ed-m616711819Os administradores hoje podem ter um tempo difícil para decidir se os blogs devem fazer parte de seu arsenal. O que devemos fazer? Ouvir os consultores de blog? Mas quem lucra com o fenômeno blog? Estamos falando de “agenda oportunista” ou “perspectiva objetiva”?

Que tal os especialistas em marketing? É justo dizer que o blog não pertence a um programa de marketing direto ou “business-to-business”? Por que tantos veteranos se arrepiam com a idéia de blogs?É simplesmente por imaginar poucos resultados? Ou os blogs tocam a sensibilidade de uma “velha escola”, que procura um precedente para comparação?

Há uma década atrás, com o advento da web comercial, os comerciantes enfrentaram um dilema semelhante. Uma parte escreveu que estar fora da web seria insignificante, enquanto outra parte tomou as barricadas, acenando a bandeira da web e proclamando o fim de outros canais. Como aprendemos, os novos veículos não necessariamente substituem os antigos – na verdade, eles precisam sempre ser complementados.

“Tudo bem”, você diz, “a história é correta e boa. Mas o que acontecerá na próxima reunião gerencial, quando o diretor perguntar: “Será que o blog pertence ao nosso programa de comunicação de marketing?” O que digo a ele?”

Primeiro, você pode dizer a ele que os blogs não são uma ferramenta direta e eficaz de marketing. Duvido que algum dia será. Blogar não permite focar precisamente públicos-alvo ou qualquer controle discernível sobre quem vê a sua mensagem. No entanto…

Os blogs já provaram ser úteis em campanhas de publicidade, gerando boca-a-boca e, em alguns casos, a atenção da mídia. Alguns empresários já fizeram o uso mais eficaz de blogs comerciais, com esforços altamente imaginativos atraindo multidões de consumidores. Não há dúvida que esses blogs têm afetado a ligação do consumidor com as marcas.

Os blogs também podem desempenhar um papel importante no marketing business-to-business. Os gurus da administração, oradores e líderes empresariais proeminentes podem exercer algum diferencial nos blogs business-to-business. Tom Peters, por exemplo, tem um blog muito bem sucedido. Para os fãs de Peters, esta é uma dádiva de Deus – o acesso ao pensamento diário de Peters. É claro que, quanto mais as pessoas buscam a próxima idéia de Peters, é bem mais provável que seu próximo seminário vai ficar esgotado e seu próximo livro vai voar das prateleiras. É assim que um Blog pode influenciar o seu público, mas assim como outro meio de comunicação deve ser conduzido com planejamento.

Um bom exemplo é este blog da Edm2, nós postamos aqui informações relevantes do mundo do marketing e utilizamos o blog como um canal de interação com outras pessoas sendo clientes ou não.

 Topo